Como Medir e Otimizar os Resultados do Seu Evento

resultados do seu evento

Um evento é composto de diversas etapas que devem ser pensadas com cuidado, inclusive a de coleta e análise de dos resultados do seu evento.

Na verdade, essas duas etapas são extremamente importantes, a decisão do indicador que será usado deve ser feita logo no começo do planejamento para que se possa analisar tudo o que foi reunido durante o pós evento.

Para auxiliar a entender mais sobre a medição de dados em eventos, confira esse artigo:

A entrega e o resultado

A área de eventos digitais trouxe para nós muito mais possibilidades de objetivos e experiências, fazendo com que a pessoa que produz eventos tenha que pensar não só na entrega, mas também nos resultados do seu evento.

Até porque esses dois conceitos são diferentes, mas ambos necessários para o sucesso do evento. Na verdade, antes de começar a pensar na entrega que você quer proporcionar, é necessário pensar nos resultados que devem ser alcançados.

Como mencionado anteriormente, a coleta e análise de resultados é parte crucial da sua produção.

Para chegar ao resultado que se espera, é necessário se apoiar nos dados, para que se possa comparar, analisar e demonstrar para patrocinadores ou donos de empresa caso necessário.

Dados e informações em eventos

Dados são números isolados, que não carregam nenhum tipo de informação em si. É apenas algo usado para mensurar uma certa métrica, e é por isso que ele precisa estar diretamente ligado à informação.

Já a própria informação, é a interpretação dos dados que mostra o que pode ser melhorado e o que não funcionou.

Os dados, juntamente da informação, trazem a possibilidade de formar um plano de ação, podendo até mesmo ser colocados no relatório de eventos para que posteriormente, possam vir a se tornar um histórico de todas as ações que já foram feitas.

Entenda que, sozinhos e sem interpretação, os dados se tornam apenas números que não irão significar nada a longo prazo.

Importância do objetivo de um evento

O ponto de partida de todo projeto é ter um objetivo, que pode ser financeiro, de relações, educacional, engajamento e muitos outros.

O objetivo deve ser a primeira coisa a ser pensada quando decidir que será feito um evento, isso por que é ele quem vai ditar o formato, data, horário, atividades, programação e até mesmo os speakers e patrocinadores que irão contar nele.

Assim como determinará também o tipo de dado que você irá analisar e coletar durante a sua produção. Sabendo o que é preciso medir, você pode interpretar os dados certos para saber os resultados do seu evento.

Jornada do participante

A jornada do participante inicia no mesmo momento que a pessoa reconhece o seu evento, seja por um anúncio em rede social ou por um e-mail que você enviou para ela e termina assim que a produção acaba.

Canais de Marketing

Em uma jornada básica essa é a primeira parada, onde o participante pode se deparar com o seu evento por diversos canais online, como redes sociais, e-mails, mídias pagas ou outros.

Página do evento e inscrição

A página, ou landing page, é onde o participante vai decidir se quer ou não se inscrever no seu evento.

Por isso, ela precisa ser atrativa o suficiente para que ele se sinta compelido a fazer a inscrição, então dê atenção desde a identidade visual até o tema escolhido.

Participação

Vale lembrar que um inscrito não é a mesma coisa que um participante, por isso devemos nos atentar para diferenciar esses dois.

Se inscrever é a parte mais simples, mas fazer com que o inscrito se torne enfim um participante, é onde devemos colocar nossos esforços de atratividade também.

Conversão

Como última etapa entra a conversão desse participante, não necessariamente para que se faça uma venda.

É nesse ponto que se deve lembrar do seu objetivo, é ele que irá determinar qual é o tipo de conversão que acontecerá agora. O que se quer nesse momento é que o participante faça o que foi pensado para ele fazer ao final do evento.

Isso pode ser acessar um formulário para contato, conversar com especialistas, fazer uma compra, se inscrever em algo ou baixar algum material gratuito. Assim como nos objetivos, aqui também existem muitas possibilidades.

Otimização da jornada

E essa jornada básica pode precisar ser estruturada várias e várias vezes, isso por que os eventos dependem de testes para entender o que funciona e o que não funciona.

E para que a jornada dos participantes ocorra, é necessário fazer o cruzamento de dados.

Por isso, uma plataforma centralizada é extremamente importante nesse momento, ela pode reunir todos os dados em um só lugar, permitindo que se faça comparações e cruzamentos.

Um conteúdo completo para você

Este artigo foi escrito através de uma série de insights retirados da Evnts Live #8: Dados para Eventos: Como Medir e Otimizar os Resultados Do Seu Evento de Forma Prática.

O evento está disponível de forma e você pode conferir exemplos que podem ser aplicados a diversas situações. Além disso, você poderá acompanhar a resposta de diversos questionamentos interessantes que ocorreram durante o papo.

Para isso, basta acessar o botão abaixo e adquirir ainda mais conhecimento sobre o assunto!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.