Como ser um palestrante de evento?

palestrante

Palestrar em público pode ser um desafio para algumas pessoas, mesmo se tratando de um evento online. Por isso, confira algumas dicas para ser um palestrante de evento online e ter muito sucesso:

Como se preparar para ser palestrante

Muitas vezes somos chamados para ser palestrantes e ficamos na dúvida do que falar, como se comportar e muitos outros detalhes que tiram nosso sono antes do evento acontecer, não é mesmo?

Então, a recomendação é se preparar, planejar a sua participação. O primeiro passo é entender o formato do seu evento e o público que estará lá, dessa forma você pode produzir um conteúdo condizente com esses dois pontos principais.

Por exemplo: você não irá montar uma apresentação de linguagem informal para médicos ou farmacêuticos, certo? Da mesma forma que não seria muito adequado usar termos mais robustos e técnicos ao se dirigir a um público de adolescentes.

Por isso,  quem vai palestrar deve fazer uma pesquisa considerável. Essa que deve começar pelo background do seu evento, ou seja, estudar sobre a comissão do evento e toda a sua história.

Procure saber também o propósito do evento, isso é extremamente importante. Saber para quem se está falando e com qual objetivo faz toda a diferença.

O segundo ponto relevante a ser levantado em conta durante a sua pesquisa é o perfil do seu público. Você deve buscar saber quem é a persona do evento e a melhor forma de se comunicar com ela.

Ou seja, faixa etária, nível de escolaridade, área de conhecimento são fundamentais para entender como a sua fala vai agregar valor para essa pessoa e de que forma o evento vai transformá-la. 

As palestras geralmente são divididas em painéis ou em apresentações individuais, que, como o próprio nome já diz, deixa com que cada um use seu tempo de forma mais livre. 

Enquanto que os painéis contam com mais de um speaker e provavelmente um mediador para ter um debate sobre determinado assunto, com a divisão do tempo e até mesmo direcionamento de perguntas.

E se você estiver indo participar de um painel é legal dar uma conferida no currículo dos seus colegas de palco. Isso ajuda a fazer com que a conversa flua mais naturalmente, que você encontre pontos de convergência e não fique parecendo que caiu de paraquedas ali.

Ferramentas de apoio durante a apresentação

E para que a sua apresentação seja convincente e traga mais credibilidade, use dados, estatísticas e tente tocar o lado sensorial e emotivo da sua plateia, através do storytelling

Pense em qual história quer contar e use a tecnologia a seu favor para melhorar a qualidade do seu conteúdo. Isso vai desde os equipamentos usados durante as falas até recursos visuais e de áudio que possam agregar interatividade na sua apresentação. 

Como primeira ferramenta, use gráficos e infográficos que ajudam na visualização de porcentagens e estatísticas. Apenas falar números pode deixar a sua fala muito abstrata e dificultar o entendimento.

Além disso, invista no design dos materiais  para deixar uma marca na memória da sua plateia. Faça uso de fotos também, elas são ótimos instrumentos quando for falar sobre cases, pessoas ou empresas específicas. Conte com bancos gratuitos como FreePik, Pexels ou Unsplash.

E para fazer os slides para o seu evento, as dicas são as ferramentas Canva24Slides e o SlidesCarnival, ou os bons e velhos PowerPoint e Apresentações Google. 

Assine nossa newsletter gratuita

Receba os melhores conteúdos sobre eventos diretamente no seu email

Posicionamento diante das câmeras 

O primeiro passo para um bom posicionamento começa com a roupa que usamos. Ela deve ser confortável e estar de acordo com o seu público e tipo de evento.

A roupa deve fazer com que você se sinta empoderado e transpareça autoridade. É  ela quem vai te ajudar a dominar o palco, especialmente no caso de uma palestra individual. Um look confiante passa credibilidade e faz com que as pessoas queiram ouvir o que você tem a dizer.

Se preocupe também com a linguagem corporal, pois certos atos que temos podem demonstrar baixa confiança e dúvida no que estamos comunicando. E nós queremos uma imagem diferente dessa, certo?

Nada de ficar curvado ou com a cabeça baixa. Fale alto e claramente, mantenha a coluna ereta, o queixo na linha do horizonte e o olho no olho. Ou na câmera, se for o caso. Uma dica é não ficar se vendo na tela, pois isso pode te tirar do foco que é comunicar seu conteúdo. 

Por fim, faça dinâmicas com o público para que eles interajam com a sua fala, transforme a sua palestra em um diálogo, caso contrário, podem perder o interesse facilmente.

Encerramento: deixe sua marca como palestrante

E é claro, não poderia faltar o encerramento perfeito da sua participação neste espaço de destaque. Essa parte também é importante para tornar a sua apresentação memorável, algo a ser lembrado pelos participantes.

Não basta apenas dizer uma frase e dar o assunto como finalizado.  O encerramento também demanda planejamento e você pode seguir uma estrutura bem básica, veja:

  • Resumo do que foi abordado durante o evento;
  • Chamada para ação, como um convite para acessar um site ou algum conteúdo; 
  • Agradecimentos à plateia e à produção do evento; 
  • Disponibilize uma forma de receber feedbacks;
  • Proporcione uma forma de continuar essa conversa nas redes sociais, especialmente o LinkedIn. 

É importante que você consiga passar todos estes recados de uma forma bem breve, em alguns segundos. 

Seja um palestrante ainda melhor!

E para que você possa ser um palestrante ainda melhor e agregar muito mais valor a todos os eventos em que comparecer, conheça o nosso e-book gratuito com todas as boas práticas para fazer bonito nas suas apresentações. 

Ele é o guia perfeito para quem quer começar ou se aperfeiçoar em oratória e participação em eventos. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.